Translate

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

A Uva

O nosso terreno possui uma rica vinha mas não sabemos nada de uvas, vinhas, podas, míldios, vindimas e coisas ligadas ao ciclo da uva. Só a quantidade de nomes associados ao processo do vinho nos dava voltas à cabeça. Vontade de aprender não falta, mas é uma arte que exige dedicação...

Este ano foi um ano generoso porque a poda foi feita pelo pai JP, mas todo o tratamento (no nosso caso, optaríamos pelo tratamento biológico da vinha) para prevenção das pragas não foi feito. Nunca imaginei que a vinha fosse tão dependente de tratamento - mas como o ano de 2011-2012 foi seco, a vinha vingou e deu uvas com fartura.

Embora tenhamos um lagar, fazer vinho estava fora do nosso alcance. Optamos por fazer sumo de uva em casa mesmo.
Pesquisei na net e fiz uma emenda de tudo o que encontrei. A receita é simples:



Sumo concentrado de uva

Separar os bagos das uvas (não é preciso retirar a semente).

Para cada quilo de uvas, adicionar 3 colheres de sopa de açúcar, cobrir com água e
triturar de leve com a varinha mágica.

Ferver por 20 minutos para soltar a polpa da casca e

coar para os frascos.

Aguenta bem no frigorífico.


Para aguentar fora do frigorífico, pasteurizamos fervendo tudo (frasco submerso dentro da água) por 3 minutos.

Quanto tempo aguenta? Ainda não tivemos sumo mais do que 3 dias à espera... vai tudo rapidamente. Ah!! Importante: é concentrado - um jarro desse xarope rende dois jarros de sumo. Atualização: temos sumo pasteurizado que aguenta muito bem fora do frigorífico. :)



AC não aprecia o sumo de uva, mas o R e os papás tomam litros e litros. Num fim de semana com amigos, foram 12 litros!

 Já fiz tanto "sumo tinto" como "sumo branco". Não faço ideia das castas que estão plantadas na vinha... mas o resultado é bastante bom.

Em compensação, a AC adora o picolé/gelado de uva, mas o R nem quer saber dele. Nesse caso, não diluo o xarope e coloco diretamente nas forminhas (ikea) e levo ao congelador de um dia para o outro. É ótimo!